top of page

 ISO 14064 

 Gases Efeito Estufa 

Um Inventário de Emissões de Gases de Efeito Estufa permite o mapeamento das fontes de emissão de Gases de Efeito Estufa de uma atividade, processo, organização, setor econômico, cidade, estado ou até mesmo de um país, seguida da quantificação, monitoramento e registro dessas emissões.


São seis os gases denominados Gases de Efeito Estufa: dióxido de carbono (CO2); óxido nitroso (N2O); hidrofluorcarbonos (HFCs); perfluorcarbonos (PFCs); e hexafluoreto de enxofre (SF6).


Os órgãos ambientais estão passando a exigir a apresentação de Inventário de GEEs como obrigatório para o licenciamento ambiental de algumas atividades consideradas potencialmente poluidoras. Este é o caso do Estado de São Paulo, junto com a CETESB (SP), e o estado do Rio de Janeiro, junto ao INEA. Além disso, há uma forte tendência de grandes corporações mobilizarem sua cadeia de fornecedores para que elas tenham a obrigatoriedade de apresentar inventários.


Entre as vantagens da elaboração de um inventário estão:

  • Incrementar capacidade para participação na formulação de políticas públicas;

  • Vantagem competitiva: desenvolvimento de um negócio sustentável;

  • Possibilidade de participação no mercado de carbono;

  • Registro histórico de dados que poderão ser consideradas sob legislação ou regulamentos programáticos adotados no futuro;

  • Melhorar relacionamento com públicos de interesse, pela adequação a padrões e relatórios internacionais de sustentabilidade.

A VMG oferece consultoria personalizada para elaboração do inventário, tanto para publicação ou atendimento de solicitação de órgão público, se for o caso.

bottom of page